GARANTINDO A LEITURA DO CÓDIGO DE BARRAS NA SUA IMPRESSÃO
      
GARANTINDO A LEITURA DO CÓDIGO DE BARRAS NA SUA IMPRESSÃO

O código de barras está muito presente no cotidiano das pessoas. Por exemplo, a Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores de Produtos Industrializados (Abadi) explica que uma cena comum nos supermercados é ver os operadores de caixa digitando a numeração do código de barras porque a falta de qualidade de impressão impede a captação dos dados pelo leitor óptico. Quando isso acontece, há uma perda média de 26% da produtividade nos checkouts.

Por isso, no post de hoje vamos entender como funciona o código de barras, os principais tipos e conhecer os principais problemas de uma leitura correta.

A importância do código de barras

De acordo com o Sebrae, os códigos de barras EAN Brasil tornaram-se indispensáveis na fabricação, logística e comércio. Eles aceleram a coleta de dados, evitam erros de entrada e até controlam sistemas inteiros.

Mas essa forma de automação industrial só funciona se os scanners e câmeras de código de barras puderem ler seus códigos de barras sem erros. Ou seja, os códigos de barra precisam ser impressos com qualidade.

Código de barras EAN Brasil

EAN Brasil é um código único internacional que serve para identificar os produtos nos pontos de vendas (PDV’s) de supermercados e lojas de qualquer lugar. Eles são compostos por uma representação gráfica e conjunto numérico único que facilita o acesso às informações sobre determinadas mercadorias.

Os códigos de barras EAN Brasil estão presentes no cotidiano de todos os consumidores e empreendedores, pois facilitam diversas operações relacionadas às vendas físicas assim como as virtuais.

Com o código único é possível acessar informações detalhadas sobre os produtos como tipo, lote e fabricante. Ao utilizar um código de barras, também é possível encontrar os produtos no estoque mais rapidamente, saber todas as informações sobre ele e ainda é possível realizar uma entrega mais ágil para o consumidor final (fonte: Código de Barras Brasil).

Existem diversos tipos de códigos de barras, sendo os mais comuns:

código EAN (European Article Number): é um código de barras de utilização mundial, composto por 13 ou 14 dígitos;

código UPC-A (Universal Product Code ou Código Universal de Produto): é utilizado no varejo e contém 12 dígitos;

código UPC-E: é o mais utilizado nos Estados Unidos, sendo uma versão condensada do código UPC-A, com 6 dígitos.

Quais são os principais problemas de leitura do código de barras?

A Associação Brasileira de Codificação explica que o processo de leitura é simples e eficiente desde que as etiquetas estejam com a qualidade correta na impressão do código de barras.

Desta forma, se o leitor não decodificar imediatamente as informações contidas no código é porque existem falhas que precisam de verificação. E quais são esses principais problemas relacionados com a leitura do código de barras?

Inconsistência da cor ou fundo

A cor exerce papel essencial na impressão de código de barras. Ou seja, cores distorcidas e com inconsistências são causas comuns para um código ilegível.

Por isso, o mais indicado são barras escuras com fundos claros.

Contraste baixo

Além disso, a falta de contraste na impressão de código de barra causa deficiência na leitura. Por exemplo, se a impressão for realizada em embalagens metálicas ou papelão escuro há riscos de comprometimento em função do reflexo da superfície.

Para evitar este problema, a recomendação é:

aumentar a pigmentação da tinta;

mudar o fundo;

utilizar etiquetas brancas.

Impressão distorcida

A distorção da impressão de código de barras é outro fator que pode gerar erro de leitura. Quando há falha no processo e a impressão distorce a proporção das dimensões, certamente haverá inconsistência e dificuldades de leitura.

E por que isto pode ocorrer? Esses erros podem acontecer devido à configuração errada do equipamento de impressão ou quando a impressão é executada diretamente no produto.

Zona silenciosa ou zona branca

Além disso, o Sebrae pontua que, para que o scanner reconheça com precisão o início e o fim do código, é importante ter uma área branca suficientemente grande ao redor de cada código de barras.

Essa área é chamada “zona silenciosa” e deve ter, pelo menos, 5 vezes a largura da barra mais estreita. Certifique-se de que mesmo o acabamento subsequente (por exemplo, laminação de filme) não influencie a zona silenciosa.

Impressão de qualidade

Entre diferentes tipos de impressões há a offset, térmica e a laser. Assim, é importante saber antes de fazer o serviço qual é a melhor solução para o produto e suas características (ele ficará congelado, qual o tipo de material da embalagem, dentre outros).

Por isso, se o fabricante do produto é quem fará a impressão, ele deve preocupar-se por um equipamento de alta resolução. Assim como também é necessário contar com um profissional interno qualificado para ajustar o código da melhor forma.

No caso do processo ser terceirizado para ter mais economia e uma garantia de maior qualidade, escolher empresas reconhecidas, com máquinas modernas e profissionais experientes é de suma importância para não comprometer uma linha de produtos (fonte: Blog da Segurança Alimentar).

Principais aspectos para uma boa impressão do código de barras

A Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores de Produtos Industrializados (Abadi) traz algumas dicas de boas práticas em relação ao código de barras:

Cadastro completo, com todos os atributos do produto preenchidos;

Dados padronizados conforme boas práticas do mercado;

A mesma informação circulando em todos os sistemas de consulta;

Exatidão e precisão dos dados informados;

Atualização constante das informações cadastradas.


Além disso, outros pontos de atenção para qualidade de impressão do código de barras:

Localização: a recomendação é que o código esteja no quadrante inferior direito do verso. Não se deve imprimi-lo em dobras, cortes e uniões da embalagem;

Posicionamento: em embalagens cilíndricas recomenda-se colocar o código na posição vertical (barras paralelas à base do produto).

Por isso, se você quer investir na impressão de código de barras com alta qualidade, faça com quem tem muita experiência no assunto. Entre em contato hoje mesmo com a PrintCola: somos especializados em garantir a melhor qualidade para o seu material gráfico com impressão digital.

Além disso, temos o melhor custo x com atendimento online para todo o Brasil.

Para continuar se atualizando, acesse outros conteúdos muito interessantes e importantes do nosso blog para o seu negócio. Quer ver algumas sugestões?

A importância da embalagem no e-commerce;

Etiquetas para farmácia de manipulação;

Tutorial para comprar no site da PrintCola: como efetuar o seu pedido;

Qual é a importância da tipografia para o material gráfico da sua empresa?;

Impressão de etiqueta adesiva: o que você precisa saber para fazer a escolha certa para seu produto;

Como fazer um banner impactante para aumentar as vendas.

Compartilhe

Comentários

Faça login para comentar