AS PRINCIPAIS DIFERENÇAS ENTRE FLEXOGRAFIA E IMPRESSÃO DIGITAL
      
AS PRINCIPAIS DIFERENÇAS ENTRE FLEXOGRAFIA E IMPRESSÃO DIGITAL

Quando se planeja um rótulo ou adesivo personalizado para um produto, no geral, o foco é a arte. Ou seja, com o intuito de criar um modelo que chame atenção dos clientes e traga diferenciação em relação à concorrência.

Entretanto, um dos aspectos mais importantes no desenvolvimento de um projeto gráfico é o conhecimento a respeito dos tipos de impressão, pois ele impactará diretamente em impressões totalmente distintas.

Assim, saber a diferença entre os tipos, assim como suas possibilidades e limitações, é fundamental para alcançar o resultado ideal.

Por isso, no post de hoje vamos entender quais são os principais tipos de impressão e ver as diferenças entre a flexografia e a impressão digital.

Principais tipos de impressão

De acordo com o Sindicato das Indústrias Gráficas do Estado de São Paulo (SINDIGRAF/SP), há 6 (seis) principais sistemas (tipos):

Offset

O offset é um sistema de impressão indireto, onde uma chapa metálica é gravada com uma imagem. Após entintada, esta imagem é transferida para um cilindro intermediário, conhecido como blanqueta, e, assim, transferida para o papel usado como substrato.

A impressão offset pode ser plana e usada para a impressão de:

   • livros;

   • periódicos;

   • posters;

   • promocionais;

   • brochuras;

   • cartões;

   • rótulos;

   • embalagens.

A impressão offset também pode ser rotativa, usada para a impressão de:

   • jornais;

   • livros;

   • revistas;

   • catálogos;

   • periódicos;

   • promocionais;

   • dentre outros.

Rotogravura

A rotogravura é um sistema direto de reprodução gráfica em que o substrato entra em contato direto com a forma de impressão na qual a imagem é gravada em baixo-relevo.

Em geral, a rotogravura é utilizada para a impressão de grandes tiragens em alta velocidade, principalmente na produção de:

   • revistas;

   • periódicos;

   • embalagens flexíveis;

   • selos;

   • papéis de presentes e de parede;

   • dentre outros.

Tipografia

A tipografia é, possivelmente, o mais antigo dos sistemas de impressão direta e é caracterizada pelo uso de formas gravadas em alto-relevo que transferem a tinta das áreas elevadas diretamente para o substrato.

Em geral, são usados tipos móveis, montados de acordo com o texto que se deseja imprimir. Os usos mais comuns da impressão tipográfica são:

   • formulários;

   • bilhetes;

   • marcas;

   • impressos comerciais em geral.

Serigrafia (Silk-screen)

A serigrafia é um sistema de impressão direta que utiliza como forma uma tela de tecido, plástico ou metal, permeável à tinta nas áreas de grafismo e impermeabilizada nas áreas de contragrafismo.

Sobre essa tela, montada numa moldura, a tinta é espalhada e forçada com auxílio de uma lâmina de borracha para atingir o suporte. A serigrafia possui diversos usos, por permitir imprimir sobre diferentes tipos de materiais e superfícies irregulares, tais como:

   • vidro;

   • plástico;

   • madeira;

   • metal.

Os principais produtos impressos pelo processo de serigrafia são:

   • posters;

   • banners;

   • camisetas;

   • papéis de parede;

   • decalques;

   • dentre outros.

Flexografia

A flexografia é um sistema de impressão direta que utiliza formas flexíveis, de borracha ou polímero, com as áreas de grafismo em alto-relevo.

Assim, a impressão é realizada diretamente sobre o suporte utilizando tintas fluidas, voláteis e de secagem rápida, ou tinta ultravioleta (UV).

Seus principais usos são para a impressão de:

   • Embalagens;

   • Etiquetas;

   • Rótulos;

   • Produtos de sacarias;

   • Sacolas;

   • embalagens corrugadas;

   • Dentre outras.

Impressão digital

A impressão digital é qualquer sistema de impressão no qual a imagem é gerada a partir de um arquivo digital e transferida diretamente para uma impressora que pode ser a laser, jato de tinta, offset digital, dentre outras.

Atualmente, este tipo de impressão atende a praticamente todos os produtos da indústria gráfica.

Flexografia e impressão digital: qual tipo de impressão é melhor para meu rótulo personalizado?

Muitas gráficas trabalham com os dois processos para a impressão de rótulos personalizados: a flexografia e a impressão digital.

Porém, cada vez mais a impressão digital tem ganhado espaço cada vez maior devido ao crescimento de sua capacidade produtiva com os avanços tecnológicos, agilizando os processos e reduzindo os custos envolvidos.

Vantagens da impressão digital

De acordo com a Associação Brasileira das Indústrias de Etiquetas e Rótulos Adesivos (Abiea) a impressão digital possui algumas vantagens em relação à flexografia, tais como:

   • setup reduzido;

   • acuracidade na reprodução das cores;

   • execução de impressão em G7 com alta fidelidade;

   • lead time inferior ao da flexografia para pequenas e médias tiragens.

No geral, quando a referência são micro e pequenas empresas, cuja necessidade de tiragem de rótulos personalizados é menor, a impressão digital é a mais adequada pelo melhor custo x benefício.

E que tipos de produtos podem se beneficiar de um rótulo adesivo personalizado com impressão digital? Vários, tais como:

   • Antepastos;

   • Geleias;

   • Bolos de pote;

   • Cachaça;

   • Sucos;

   • Cerveja artesanal;

   • Cosméticos;

   • Kombucha;

   • Licor;

   • Mel;

   • Óleos;

   • Pão artesanal;

   • Embutidos;

   • Queijos;

   • E muito mais!

Que tal fazer o rótulo do seu produto com uma gráfica experiente em impressão digital? Assim, seu rótulo personalizado terá qualidade e agregará valor ao seu produto.  E isso tudo você encontra com a PrintCola.

Entre em contato hoje mesmo: somos especializados em garantir a melhor qualidade para o seu material gráfico com impressão digital.

Além disso, temos o melhor custo x com atendimento online para todo o Brasil.

Para continuar se atualizando, acesse outros conteúdos muito interessantes e importantes do nosso blog para o seu negócio. Quer ver algumas sugestões?

Tutorial para comprar no site da PrintCola: como efetuar o seu pedido;

A importância da certificação FSC em adesivos em papel couchê;

Adesivo personalizado para cosmético: como criar rótulo para vender mais?

Escolhendo o seu tipo de vinil ideal para seu adesivo personalizado;

Qual é a importância da tipografia para o material gráfico da sua empresa?;

Impressão de etiqueta adesiva: o que você precisa saber para fazer a escolha certa para seu produto;

Como fazer um banner impactante para aumentar as vendas.

Compartilhe

Comentários

Faça login para comentar